26 de outubro de 2011

Para muito além de refrigerante! (inovando nas festas)

Uma das grandes vantagens de morar em um país tropical, extenso e rico como o Brasil é a variedade de frutas saborosas e a preços acessíveis que temos a nossa disposição durante todo o ano. Sou do Rio de Janeiro e sempre amei o fato de ter uma casa de sucos em cada esquina, minha opção preferida para o lanchinho da manhã ou da tarde. Cada dia escolho um diferente!

Na minha casa, quando pequena, as refeições sempre eram servidas com bebidas. As opções geralmente eram sucos naturais. Os mais freqüentes eram de limão, maracujá e mate (claro!). Refrigerante só aparecia na mesa nos finais de semana e normalmente no jantar de domingo, quando meus pais pediam uma pizza e assistíamos algum programa juntos na televisão. Tomava refrigerante também nas festas infantis. Geralmente nestas ocasiões ou era isso ou água.

Tenho uma amiga de infância que nunca gostou de refrigerante. Ela é uma exceção, eu sei, mas nas festas acabava sendo obrigada a ficar só na água. Seja este o caso ou seja porque você preferiria que seu filho tomasse algo mais saudável do que refrigerante, eu acho uma boa idéia oferecer outras opções em festas (em especial nas infantis). Acredite, essa pode ser inclusive uma excelente forma de economizar! Afinal, se compradas quando na estação, suco de frutas sai mais barato que uma garrafa de coca-cola.
Coloco aqui algumas sugestões de bebidas alternativas ao refrigerante e a receita de alguns “refrigerantes” caseiros como os da foto.

"Refrigerante" de limão siciliano e hortelã

Sucos (os clássicos!): melancia, maracujá, melão, limão, abacaxi, goiaba, água de coco, manga e qualquer outra fruta que estiver na estação em sua região. O pouco que conheço do Nordeste sei que é cheio de maravilhas não citadas acima.

Uma bebida divertida e inusitada: limonada rosa! Como fazer? Todo mundo sabe que limonada é feita com o suco do limão, açúcar e água. O suco do limão pode ser espremido ou batido rapidamente com casca e tudo no liquidificador. Não sugiro usar este último método para fazer as limonadas para festas porque depois de um tempo ela tende a ficar bem amarga. E não acho prático deixar para fazer os sucos na hora, no meio de uma festa, a não ser que uma pessoa tenha sido contratada para isso. Pois bem... ao invés de usar água recém filtrada para diluir a acidez do suco do limão, utilize a água na qual você cozinhou a beterraba. Se você, como eu, prefere fazer a beterraba no forno, pode bater um pedaço no liquidificador com um pouco de água e peneirar. Só não exagere para não interferir no sabor. A idéia é só dar um tom rosado à limonada. Tenho certeza que será um sucesso! A criançada não vai querer perder a oportunidade de experimentar uma bebida rosa.

Guaraná natural. É brasileiro, gostoso e energético.

Chás gelados: O mate é o mais comum, mas há também uma série de outras opções pouco exploradas, pois o consumo de chá não faz muito parte de nossa cultura. A idéia aqui é ferver a água, colocar os ingredientes para fazer o chá escolhido, tampar, esperar esfriar (essa parte é importante para que a água adquira o sabor) e depois colocar na geladeira para gelar. Eu faço muito chá com as cascas das frutas usadas em alguma receita que, caso contrário, iriam para o lixo. É o caso, por exemplo, do abacaxi e da maçã. Para citar apenas algumas opções, temos:
- Maçã com canela;
- Abacaxi com canela ou hortelã;
- Limão com gengibre (esse agrada mais os adultos, mas mesmo assim, cuidado com a quantidade de gengibre para não ficar forte);
- Limão, pêssego, maçã e maracujá (use a casca mesmo) também ficam bons quando acrescentado ao mate;
- Pêssego com gengibre;
- Hortelã com limão;
- Romã com limão e chá Earl Grey;
- Casca de maracujá com chá de erva-doce.

Refrigerantes caseiros: Se mesmo com todas estas opções seu filho ainda sente falta do refrigerante, experimente fazer “refrigerante” em casa! Você pode fazer “refrigerante” com caldas de qualquer fruta. O que dá a impressão de refrigerante neste caso é o uso de água com gás ao invés de sem gás. A vantagem é que do dia para noite você pode oferecer para sua família uma infinidade de sabores de refrigerante. O processo é bem simples. Darei o exemplo com o sabor de nectarina e lavanda. Para fazer a calda, é só picar duas xícaras da fruta e colocá-la em uma vasilha com ½ xícara de lavanda e uma xícara de açúcar. Esprema (pode ser com a mão mesmo) um pouquinho para liberar o suco da fruta e misturar os ingredientes. Cubra a vasilha com papel filme e leve à geladeira até o dia seguinte. Bata a mistura no liquidificador, processador ou mixer e peneire. Guarde essa calda em uma garrafa e na hora de servir basta misturar uma parte de calda com cinco ou seis partes de água com gás. Sirva com gelo. Como pode perceber, é possível fazer esta bebida e deixar reservada na geladeira para consumir na hora das refeições. Fica uma delícia e é super refrescante. Outras opções de sabores são: morango com hortelã, cereja com manjericão, melão com limão, uva e o que mais sua criatividade permitir.

Como todas as opções acima são sem álcool, elas são ideais tanto para festas infantis, quanto para o chá de bebê. Afinal, não é porque se está grávida que não se podem aproveitar bebidas saborosas. Experimente!

Um comentário:

  1. Renato Matos Lopes26 de outubro de 2011 10:52

    ESSA BEBIDA É BOA...
    PODEM FAZER QUE VALE A PENA , MESMO SEM A VODKA.

    ResponderExcluir